Instituto TIM   English

garapa.orgCerca de 10 milhões de estudantes optam pela educação a distância a cada ano, segundo um levantamento da FernUniversität de Hagen, uma universidade alemã especializada nessa modalidade de ensino. E um dos fenômenos educacionais mais recentes ligados a EaD são os MOOCs (Massive Open Online Courses ou, em tradução livre, Cursos Online Abertos Massivos). Eles conservam e ampliam algumas das características que mais atraem os estudantes para a educação a distância – entre eles a flexibilidade.

“Podemos destacar os cursos em MOOCs como um auxílio no ensino”, afirma o chefe do departamento de educação a distância do Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul), Luis Otoni. Trata-se de um conceito de ensino a distância caracterizado por usar a web 2.0 para ensinar algum tipo de conteúdo a um grande número de pessoas por meio de videoaulas gratuitas que podem ser acessadas a qualquer hora ou lugar. Os cursos podem ser alterados e compartilhados pelos usuários e costumam ser usados por universidades para ensinar a curto prazo alguma especialização, seja acadêmica ou profissional. O principal benefício dos MOOCs é o acesso aberto: o usuário tem mais conhecimento sem compromissos burocráticos.

Luis Otoni explica que os cursos em MOOC são importantes para auxiliar a educação formal e o ensino a distância, especialmente na área de tecnologia. “Se existe uma área que precisa de compartilhamento é esta. Se você faz um curso tradicional que não pode ser mudado, ele se torna obsoleto em menos de dois anos. Para educação profissional, MOOC vai dar um fôlego no conhecimento do aluno”, afirma. Um exemplo de educação a distância que utiliza o conceito de MOOC para ensinar conteúdos sobre tecnologia é a plataforma TIM Tec. Para saber mais, acesse mooc.timtec.com.br.

Tags: