Instituto TIM   English

No dia 7 de novembro foi realizada a Cerimônia Nacional de Premiação da 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Cerca de 6,5 mil alunos dos Ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas de todo o país receberam medalhas de ouro, prata e bronze por seu desempenho na OBMEP em 2015. O evento aconteceu no Centro de Convenções do Hotel Windsor Barra, no Rio de Janeiro (RJ), e contou com a participação do Instituto TIM, parceiro da OBMEP desde 2014.

O ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, e o secretário Estadual de Educação do Rio de Janeiro, Wagner Victer, participaram da premiação. O presidente do Instituto TIM, Manoel Horacio, prestigiou a cerimônia e conheceu os nove medalhistas de 2015 contemplados pelas Bolsas Instituto TIM-OBMEP, que oferecem apoio financeiro a medalhistas da OBMEP ingressantes no Ensino Superior em universidades públicas.

Durante o evento, o coordenador-geral da OBMEP e diretor adjunto do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), Cláudio Landim, fez o anúncio oficial de que mais 50 Bolsas Instituto TIM-OBMEP serão disponibilizadas em 2017 e convidou os medalhistas a se inscreverem. Atualmente, 100 medalhistas recebem bolsas mensais no valor de R$ 1.200.

A mineira Carla Mariana da Silva Pinheiro é uma das bolsistas que participaram da cerimônia de premiação da OBMEP 2015. Ela foi medalhista da OBMEP seis vezes e agora é estudante de Física na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), a cerca de 300 quilômetros de sua cidade natal, Carmo do Parnaíba (MG). “A bolsa é o que possibilita que eu me sustente aqui. Se eu tivesse que trabalhar, não teria tempo de desenvolver projetos e me dedicar aos estudos”, diz.

Nicolas Castro Oliveira da Silva, de Osasco (SP), consegue ajudar a cobrir as despesas da família com as Bolsas Instituto TIM-OBMEP, além de arcar com a alimentação e outros gastos do dia a dia. “Essa bolsa é muito importante para incentivar os alunos a continuar estudando”, afirma. Ele foi medalhista de ouro na OBMEP em 2015 e de prata em 2012, e atualmente cursa Engenharia Civil na Universidade de São Paulo (USP).

Os outros bolsistas que receberam medalhas na cerimônia de premiação da OBMEP 2015 foram Amanda Thais dos Reis Fernandes, de Santana (SP); Ana Lídia Martins Rodrigues, de Presidente Olegário (MG); Iago Soares Borges Santos, de Ouro Verde de Goiás (GO); Janaina de Santana Santos, de Feira de Santana (BA); José Marcio Machado de Brito, de Cocal dos Alves (PI); Leonardo Alves da Silva, de Adamantina (SP); e Teresinha Gouvêa da Silva, de Nova Serrana (MG).

dsc_3285-1  dsc_3337-1dsc_3331-1 dsc_3318-1  jose-marcio-piaui-03-1dsc_3674-1

Créditos das fotos: Cláudio Medeiros

Tags: